11 abril, 2017

Tríduo Pascal



A Semana Santa, de modo especial, o Tríduo Pascal, é o centro de toda a celebração litúrgica anual, momento lindo e forte em que se celebra a Paixão, Morte e Ressurreição do Senhor.

 O Tríduo Pascal compreende a Quinta-Feira Santa, a Sexta-Feira Santa e o Sábado Santo, preparando para a maior festa da Igreja, que é a Páscoa.

 Quinta-Feira Santa

A Quinta-Feira Santa, é marcada pela Instituição da Eucaristia , do serviço e um dos gestos significativos deste serviço é o lava-pés.

Jesus, que serviu com sua vida e seu amor à humanidade lava os pés dos seus. Nós, também no dia a dia, independente da missão de cada um, somos chamados a servir com humildade as irmãs e  irmãos a exemplo do Jesus.

Sexta-Feira Santa

A Sexta-Feira Santa, é o único dia do ano em que a Igreja Católica no mundo inteiro não celebra missas e comumente, nenhum sacramento.

Celebra a Paixão, Morte e Sepultamento do Senhor. Profeta Isaías nos lembra – é o Servo Sofredor, tudo se realiza na pessoa de Jesus Cristo.

Na cerimônia tem preces universais pela Igreja e momento forte e lindo pelo gesto de carinho na Cruz.

O amor de Jesus pela humanidade é lembrado também nas celebrações da Via Sacra, dentro de igrejas ou pelas ruas, trazendo presente todo o relato da Paixão e Morte de Jesus.

Sábado Santo

No Sábado Santo, ou Sábado de Aleluia, celebra-se o grande momento da Ressurreição do Senhor.

A certeza que a vida vence a morte. A vida se renova, na alegria da ressurreição.

Nesta celebração, realizada na véspera do dia da Páscoa, acontece a Benção do Fogo Novo e da Água.

A luz que sai da rocha ilumina a escuridão, porque Jesus ressuscitou.

A Água nos lembra o Batismo, que purifica e nos torna filhas e filhos de Deus.

Nenhum comentário: