19 agosto, 2009

Convite - Santa Missa

Missa Tridentina, que será celebrada nesta sexta-feira (21) as 19 horas na Paróquia São Francisco Xavier e Menino Jesus de Praga, rua Monsenhor Kimura, zona 02 em Maringá.
A Missa Tridentina é a Santa Missa no rito extraordinário que era realizada antes do concilio Vaticano II, rezada em latim, e expressa o divino mistério do Santo Sacrificio com toda sua beleza e verdade.

4 comentários:

Anônimo disse...

Que absurdo o Bispo permitir a celebração em nossa diocese, um retrocesso para agradar tradicionalistas que acham que celebrando de costas e em Latim estao falando "mais" e "mais bonito" com Deus nosso Pai que fala conosco em nossa cultura e nossa propria lingua todos os dias nos chama a conversao e ao anuncio libertados do Reino. Se fosse assim deveriamos celebrar em aramaico que é a lingua de Jesus.
O rito Tridentino ja teve sua utilidade e o retorno ao uso revela desconhecimento da Liturgia em uso hoje alem de falta de conhecimento de sociologia, antropologia, da propria Biblia e de Teologia tambem. Que tal nos aprofundarmos nos conhecimentos que a Igreja tem hoje e da percepçao e entendimento do conhecimento. Nao é a toa que os Mulçumanos só estao crescendo, crescendo, crescendo...
Zezão da Equipe Arq de Liturgia.

Anônimo disse...

Entre seguir um "Zezão" e seguir o "Papa", prefiro seguir o Papa :)

Anônimo disse...

Prezados, Salve Maria!
Fico feliz em ver este acontecimento divulgado na internet. Lamento apenas os comentários do "Zezão", que revelam um grande desconhecimento da verdadeira teologia católica. Primeiramente, o padre jamais celebrou de costas para o povo, mas de frente para Deus, estando juntamente com o povo voltado para Cristo. Isso não só reforça a fé de que na missa se renova de forma incruenta o sacrifício do Calvário, como também lembra que não só o povo, mas o povo unido ao padre, que é um outro Cristo (alter Christus) caminha numa só direção, rumo ao Salvador. Além disso, a questão da língua latina é mal entendida. Antes de tudo a missa é mistério; não é encontro comunitário para discutir política, não é apenas uma ceia e muito menos uma festa; é verdadeiramente a renovação do sacrifício do Calvário; é Cristo que está presente no altar sob as aparência de pão e vinho! Este rito, que santificou tantas pessoas é extremamente reverente e, pelos gestos, diz mais do que se pode pensar. O latim, portanto, é o de menos. As orações da missa foram colocadas em português num telão, quem quer estudá-las melhor acha com facilidade na internet. Hoje, numa época em que a maioria sabe ler, admira-me ver que as pessoas ainda tem preconceitos tão arraigados.

Quero aproveitar a oportunidade para lembrar algumas verdades. Primeiro, a fé católica é a mesma sempre. Dizer que o dogma evolui ou muda de sentido com o tempo é heresia condenada por S. Pio X. Ou seja, o que acreditávamos ontem deve continuar válido hoje. Além disso, nenhum católico pode sustentar que a missa deve ser apenas celebrada em vernáculo; quem o fizer é anátema pelo Concílio de Trento.

Vale a pena ler o que a Igreja, e não o que outras pessoas dizem a respeito.

PAX disse...

Salme Maria.
Carissimos é com grande alegria que hoje ví este convite para a Santa Missa Tridentina, moro na região de Maringá mas não fiquei sabendo, fiquei extremamente triste por não poder estar presente, entretanto espero que logo em brevo possamos ter esta magnifica forma do Rito Romano em Maringa e è claro que haja mais divilgação em especial nos sites e blogos da Sagrada Tradição, afim de que cada vez mais pessoas saibam e estejam presentes.
Ad Majorem Dei Glóriam.